Celebrating Women

Today is International Women’s day, so despite being immersed in editing my book, I feel that I must write a few lines here dedicated to all of us.

Women have come an exceedingly long way, considering that for centuries we were punished, restricted, repressed and held back from even attempting to reach our potential. We’ve seen this in sports, and in running in particular. In the ancient Olympics women could be beheaded even for being caught as spectators at the games. In 1896 two Greek women ran the Olympic course, but were denied the opportunity to compete. Women were completely banned from track and field until 1928, and it wasn’t until 1984 in Los Angeles, that women were officially allowed to run the marathon. Katherine Switzer was one of the many women to fight this battle for equality in sports.

The freedom that many of us enjoy today (unfortunately in many places women are still being oppressed today), is due to the bravery and strength of character of many women who have come before us, and it is up to us not to let their efforts go to waste.

We may have come a long way, but we still have far to go. We haven’t even begun to approach our full potential, not only in sports, but also in every aspect of our lives. We must aim to achieve the best we can today and every day…It’s never too late to start striving for personal excellence.
¡Kilometrate!

6 Responses to “Celebrating Women”

  • estefi:

    mmmmmmmmmm, poe eso nuestra-vuestra lucha es tan importante¡¡¡¡
    a por nuestro granito de arena, para hacer un agran playa de km´ssssssssssss…..
    besos amiga , dejandote trabajas, cuando este libro…..
    raclette¡¡¡¡¡
    besos y feliz dia a todasssssssssss
    + a + todasssss

    • Alex:

      Absolutamente amiga – cómo me estoy esperando que salga el libro! Raclette y alegría buena! Besos + 2

    • Um tecnocrata (seja 1.0, 2.0 ou 3.0 e aniadte) precisaria iniciar um pf3s-doutorado, um poledtico (sempre 0.0, sem vewrsf5es de atualizae7e3o, ne3o existe) precisaria iniciar um estudo de um projeto que comee7aria a ser estudado por uma equipe que precisaria ser composta imediatamente, mas sem data para iniciar, enfim um profissional / ou ne3o objetivo fala justamente da forma que vc colocou aqui Nepf4. Esse mal o Brasil vem sofrendo desde quando ele foi realmente descoberto (isso antes de 1500), quando a coroa protuguesa pensou: caramba estou com uma inovae7e3o, tecnologia, descoberta nas me3os, vou guarde1-la desse mundo globalizado, como uma carta na manga . Foi um dos milhf5es de erros da coroa portuguesa que a fez perder o poder maredtmo para a Espanha, e por aed vai. Mas, voltando ao nosso assunto local, somente os que processam coletivo team essa vise3o, os que processam obscuramente loca, esses se3o os que geralmente este3o nos cargos de decise3o, esses, coitados, se3o response1veis pela defasagem tecnolf3gica. No Governo ente3o a coisa e9 catastrf3fica, alie1s he1 muito se tem tsunamis, terremotos e maremotos altamente destrutedveis dentro do Governo. exemplo geral: na maioria dos f3rge3os pfablicos quem decide sobre informe1tica se3o pessoas que nem de celular entendem, muito menos de computador, alie1s se vc colocar uma me1quina de datilografia eles sere3o exedmios gastadores de papel, re-fazedores de documentos mal trabalhados e escritos. Existem pessoas no governo que fazem igualzinho e0 coroa portuguesa. Tem em estoque computadores comprados em licitae7f5es he1 mais 4 anos e pensam: Vou guardar essa coisa poderosa, nova, cheirando a leite, pra uma ocasie3o em que se aparecer um chefe3o eu tenha uma forma de agrade1-lo . Pios Nepf4, os cheff5es pensam da mesma forma e se acham Preocupa-me essa forma desqualificada, descomprometida, imprf3pria de exercer poder de decise3o, oprimindo, omitindo egoisticamente as coisas (que vc mesmo disse), pensando que assim este3o mantendo seu status qfco (e9 assim que se escreve). E antes que eu me esquee7a: vc acha ruim essa minha forma cmpulsiva impulsiva informacional, que me leva a vir aqui conversar com vc, ou vc adora isso? Abrae7os fraternos .kakakakakakak. O que dizes?

    • Vocea diz isso agora que estou fechando outro ctnartoo para prestar consultoria em geste3o do conhecimento? Eu concordo plenamente com vocea, sf3 acrescentaria que para as grandes corporae7f5es conhecimento e9 algo que pode ser capturado do funcione1rio e armazenado para que elas ne3o percam o conhecimento quando ele ficar muito caro ou decidir abrir seu prf3prio negf3cio. Elas confundem informae7f5es complexas com conhecimento. Nos faltimos 14 anos venho desenvolvendo o conceito de epistemologia corporativa e tentando passe1-lo para os meus clientes, mas e9 complicado mudar a cultura de empresas grandes. Em em armazenar conhecimento: O sucesso na implementae7e3o das etapas anteriores favorece a gerae7e3o de conhecimento; entretanto, e9 necesse1rio definir tambe9m o seu fluxo, formas de armazenamento e possedveis reflexos nos sistemas de dados e de informae7e3o. Por volta de 2005 comecei a considerar que o importante e9 criar um ambiente propedcio e0 criatividade e produe7e3o de conhecimento baseando-se em 4 bases: relacionamento humano no trabalho, relacionamento humano com o trabalho, geste3o centrada no conhecimento e sistemas projetados para facilitar a construe7e3o de conhecimento, seu fluxo e renovae7e3o.Cheguei a escrever umas 70 pe1ginas sobre isso junto com a minha esposa e agora estou procurando tempo para rever, atualizar e soltar gratuitamente na rede. Fico em dfavida se as empresas je1 este3o prontas para isso, mas creio que soltar o paper e9 parte do processo de promover essa mudane7a de paradigma.Agora, partir da geste3o centrada no conhecimento para a sabedoria e9 um grande passo que eu acho que sf3 acontece com a mobilizae7e3o dos clientes das grandes corporae7f5es! Sei que o post ne3o foi sobre isso, mas adorei sua ide9ia lane7ada naquela breve post no Gengibre.

  • estefi:

    mmmmmmmmmm, por eso nuestra-vuestra lucha es tan importante¡¡¡¡
    a por nuestro granito de arena,
    para hacer una gran playa de km´ssssssssssss…..
    besos amiga , dejandote trabajar, cuando este libro…..
    raclette¡¡¡¡¡
    besos y feliz dia a todasssssssssss
    + a + todasssss

  • Alexandra Panayotou, muy buena entrada. Te deseo que saques adelante muy bien tu libro. Yo estoy escribiendo otro, que me absorbe tiempo: “Ser feliz corriendo”. Un saludo cordial y muchas surte en tus retos.

Leave a Reply

*

Alex Living Excellence
Alex Living Excellence
Alex Living Excellence
Alex Living Excellence
Donde esta Alex
In Focus
Desafios
Sponsors
Social Networks
Banner Banner
Visit count